Pular para o conteúdo principal

Quem é de Deus adoece?



Entenda por que a enfermidade não representa abandono de Deus

 

Pessoas que possuem o Espírito Santo estão livres de doenças, correto? Errado. Apesar de muitos acreditarem que viver na Graça de Deus é estar livre de enfermidades, a verdade é que o corpo humano é frágil e, por isso, está sujeito a adoecer.
Entretanto, algumas pessoas não entendem essa situação e, assim que adoecem, se enchem de dúvidas: Por que tenho que passar por isso mesmo sendo uma boa pessoa? Por que Deus não me ajuda nessa situação? Foi o diabo que colocou esse mal em mim?
Quem responde a essas indagações é o bispo Domingos Siqueira, em vídeo publicado no canal “Obreiros em Foco”, no Youtube:
“O que acontece: as pessoas costumam demonizar tudo. Tudo, tudo que acontece é o demônio. Nós sabemos que o diabo é um maldito, que ele não presta, etc., etc., etc., mas, convenhamos, nem tudo é ele.”
O bispo explica que existem sim doenças que são causadas por espíritos malignos, mas isso não significa que toda enfermidade tem essa origem. Se a pessoa mantém a fé em dia, procura viver sem pecados e pratica o que está escrito na Bíblia, por exemplo, não existe nenhuma razão para esses espíritos terem poder sobre o corpo dela. O que acontece é que o homem é fraco e precisa se cuidar.
“Se você não cuida da sua saúde, vai adoecer”, afirma o bispo. “Se você é uma pessoa que não faz exercício, não exercita o seu corpo, é uma pessoa propensa a ter problema de saúde, óbvio. Por exemplo, a questão do diabetes: há pessoas que adquirem diabetes porque comeram muito doce. Então foi o diabo? Não. Foi uma consequência de uma alimentação que não estava adequada.”
Fé aliada
Embora a fé seja o primeiro socorro que devemos procurar, não é o único. É importante também buscar ajuda médica quando necessário. De acordo com o bispo Domingos, ninguém precisa aceitar a doença que tem. É preciso revoltar-se contra ela, rejeitá-la e, principalmente, lutar contra ela usando as armas disponíveis.
“É isso que a pessoa tem que fazer: tem um problema de saúde? Faça o tratamento. Usa a fé primeiro, mas também não tem problema você procurar um tratamento. Você pode aliar a fé também ao tratamento. O que for da parte da fé a fé vai resolver. O que for da parte do remédio, da medicação, do médico, a medicina vai resolver.”
Portanto, cuide de sua saúde física e espiritual. Não entenda a doença como um abandono de Deus, mas sim como uma ferramenta para fortalecer a sua fé. Quando estiver com dor, procure sim por Deus, mas também procure um médico se for necessário.
“Cuidar da saúde, não é pecado. Não seja religioso. É importante usar a fé, mas usar a fé com sabedoria, com inteligência”, conclui o bispo.
Se você está sofrendo com alguma doença, participe do Combate ao Destruidor de Sonhos, que acontece todas as terças-feiras, na Universal mais próxima de você

 Fonte: http://www.universal.org

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

WILLIAM COLGATE - UM GRANDE EXEMPLO

O leitor provavelmente tem em sua casa ou, pelo menos, já ouviu falar do creme dental Colgate. O dentifrício é apenas um dos produtos das indústria, hoje denominada Colgate-Palmolive, cuja história remonta a 1806, nos Estados Unidos.William Colgate (1783-1957), filho de uma família de imigrantes ingleses, residentes no interior dos EUA, era ainda muito jovem quando foi tentar a vida em Nova Iorque. Criado em um lar protestante, já conhecia as Escrituras, mas foi longe de casa que as palavras de Jacó, registradas no texto de Gênesis 28:20-22, calaram fundo em seu coração. Decidido a colocar Deus em primeiro lugar em sua vida, fez um voto semelhante ao do patriarca bíblico e prometeu que daria ao Senhor o dízimo de cada dólar que conseguisse ganhar, quando começou a trabalhar em uma pequena manufatura de sabão. Dois anos depois, William Colgate decidiu começar um negócio próprio, fabricando velas e sabões. À época, esses produtos eram tradicionalmente feitos em casa, para consumo própri…

ESSE TESTEMUNHO VOCÊ TEM QUE LER

ESSE TESTEMUNHO É MUITO FORTE, LEIA COM CALMA E COM A DEVIDA ATENÇÃO. ESTE TESTEMUNHO É DE UM MÉDICO QUE ERA ATEU E TEVE UM EXPERIÊNCIA EXTRAORDINÁRIA COM DEUS.ESTE MÉDICO ENVIOU UM E-MAIL PARA O BISPO MACEDO CONTANDO A SUA HISTÓRIA E VOCÊ PODE TAMBÉM VER ESTA POSTAGEM NO BLOG DO  BISPO MACEDO; NÃO DEIXE DE LER.MÉDICO ATEU SE CONVERTEBispo Macedo,meu nome é Pedro Dante. Eu e minha esposa Antonia enviamos ao senhor este e-mail e desejamos ardentemente que ele chegue até ao senhor. Ele relata o meu encontro com Deus.Bispo, sou formado em medicina e, outrora, totalmente descrente dessa fé. A mesma fé que minha esposa e minha nonna (avó; somos italianos bispo) sempre creram quando chegaram à IURD. Sempre dependi da força de meus braços, dos meus estudos, orgulhoso da medicina que através de mim salvava vidas. Minha esposa há 12 anos lutou por mim, pela minha salvação. Eu nunca aceitei ela me dizer nada a respeito de DEUS ou da IURD. Sempre fomos de condições financeiras ótimas, nunca depe…

DANIEL na cova dos leões

Os inimigos de Danielforam falar de novo com o rei e disseram: - O senhor sabe muito bem que, de acordo com a lei dos medos e dos persas, nenhuma ordem ou lei assinada pelo rei pode ser anulada. Então o rei mandou que trouxessem Daniel e o jogassem na cova dos leões. E o rei disse a Daniel: - Espero que o seu Deus, a quem você serve com tanta dedicação, o salve.Trouxeram uma pedrae com ela taparam a boca da cova. O rei selou a pedra com o seu próprio anel e com o anel das altas autoridades do reino, para que, mesmo no caso de Daniel, a lei fosse cumprida ao pé da letra. O rei voltou para o palácio, mas não comeu nada, nem se divertiu como de costume. E naquela noite não pôde dormir. De manhã, cedinho, ele se levantou e foi depressa até a cova dos leões. Ali, com voz muito triste, ele disse: - Daniel, servo do Deus vivo! Será que o seu Deus, a quem você serve com tanta dedicação, conseguiu salvá-lo dos leões? Daniel respondeu: - Que o rei viva para sempre! O meu Deus mandou o seu Anjo,…